No mundo organizacional contemporâneo, o conceito de mentoring está relacionado com a ideia de mentor ou tutor mais experiente, que se dispõe a ajudar e orientar alguém com menos vivências profissionais. Seu objetivo é aliar a vivacidade e a disposição dos discípulos (geralmente detendo menos vícios profissionais) com a experiência e o conhecimento dos mentores, preparando esses colaboradores de forma mais holística, dinâmica e, ao mesmo tempo, consciente.

O mentoring não limita a troca apenas à esfera profissional, visto que o melhor desempenho dentro da organização se dá pautado também na vida e na realização pessoal de cada indivíduo. Nesse aspecto, a pessoa que se dispõe a realizar a tutoria assume a posição de conselheiro. Sua principal diferença em relação ao coaching é o foco com que são realizados. O coaching busca a propulsão da carreira do colaborador, incidindo diretamente sobre o seu desenvolvimento, autoconhecimento e plano de ação sobre a carreira a curto e médio prazo, enquanto o mentoring pode ser um processo contínuo e/ou de longo prazo.

mentoring

Como fazer?

Para realizá-lo, o indicado é iniciar fazendo uma triagem dos melhores profissionais da sua empresa, destacando aqueles com experiência nas áreas em que atuam. Essas pessoas geralmente ocupam posições de liderança, seja usufruindo de um cargo de supervisão ou gerência, seja tomando a frente e inspirando sua equipe, mesmo estando no mesmo nível hierárquico que ela.

É imprescindível que os mentores estejam realmente dispostos e motivados para realizar a tutoria, uma vez que o seu nível de entusiasmo será uma forte influência no processo de orientação. O profissional que concordar em realizar a mentoria deve ter consciência de que o seu dever é orientar, procurando provocar insights no seu discípulo, a fim de que o seu desenvolvimento profissional seja impulsionado.

LEIA MAIS:  Como a hipnose é utilizada no processo de coaching?

O processo de tutoria deve ser positivo para todos os envolvidos, por isso, escolhidos os mentores, é imprescindível prepará-los para dividir as informações e experiências com os demais. Essa preparação pode ser feita por meio de um treinamento simples, que deverá orientar os mentores sobre como proceder. Além de fornecer informações, o mentor também as receberá. O ambiente gerado deverá estar propício para trocas de conhecimentos e experiências, destacando o melhor de cada um.

A próxima fase é voltada para a conscientização do mentor sobre a importância da tutoria que estará fornecendo. O processo não significa sua substituição. Pelo contrário, imprime a confiança projetada pela empresa sobre o seu valor dentro dela. É uma forma de reconhecer e gratificar o mentor pelo empenho dedicado. A tutoria pode ser seguida de uma promoção ou bonificação para o mentor.

Quais os resultados do Mentoring?

Além de preparar os seus novos profissionais através das suas habilidades e da experiência daqueles que estão com a sua empresa há mais tempo, o é um forte motivador para aqueles que já trabalham com você. O mentor se sente valorizado e pode perceber o reconhecimento pelo seu trabalho e experiência, além de inspirar as equipes a chegarem onde ele está, perpetuando conhecimento, e ao próprio discípulo, que usará as suas orientações como balizadores da conduta profissional e pessoal.

Com o auxílio do mentor, o aprendiz deverá ser capaz de refletir sobre as suas condutas e sobre a sua trajetória profissional. Deverá traçar um caminho desde o ponto onde está até onde quer chegar, definindo objetivos e prioridades, identificando oportunidades. Ao fim do processo, suas habilidades e o seu potencial devem ser otimizados.

Conheça mais sobre o Hipnose Institute. Nossa equipe busca desenvolver os seus talentos, para que as suas habilidades sejam exploradas da melhor forma possível e possam ser compartilhadas com o mundo!

LEIA MAIS:  O que é Coaching e como ele pode ajudar pacientes de terapia?

Queremos saber a sua opinião sobre o assunto! Deixe um comentário e fale-nos mais sobre a sua experiência com a prática e sobre o que é mentoring.

Mentoring: o que é e como aplicar em nossas atividades? Descubra aqui
Avalie o conteúdo!