Dificuldades, medos, bloqueios e traumas estão entre os motivos que levam cada vez mais pessoas a recorrerem aos consultórios psicológicos na busca de melhor qualidade de vida. Afinal, quem não sonha viver sem stress, alcançar seus objetivos e estar plenamente satisfeito pessoal e profissionalmente? Conciliar tantas demandas pode ser um desafio assustador sem a ajuda de um psicólogo e do processo de coaching.
Já pensou em incluir a técnica psicanalítica da hipnose no trabalho com os pacientes?Quer entender mais sobre o tema? Leia com atenção este artigo e entenda como a soma de técnicas pode te ajudar a alcançar os melhores resultados!

Conheça a hipnose

Embora pouco explorada no universo acadêmico, a hipnose é considerada um dos principais ramos da psicanálise e pode ser usada na ligação entre a mente inconsciente e consciente, possibilitando observar, de forma rápida, alterações emocionais em seu paciente.

Aliada do desejo de mudanças de uma pessoa, a hipnose é capaz de reduzir a dificuldade de lidar com problemas e doenças comuns em nossos dias, como cessar o tabagismo ou seguir uma dieta de combate à obesidade, por exemplo. Além disso, é muito requisitada por pessoas que precisam passar por processos de fortes dores físicas, como partos e cirurgias. Indispensável oferecer no seu consultório, concorda?

Entenda o processo de coaching 

Quem procura as sessões de coaching, sem dúvida, busca atingir resultados satisfatórios em um curto período de tempo.

É responsabilidade do profissional coach aplicar técnicas e ferramentas para oferecer possíveis soluções para o dilema em questão, por meio das seguintes etapas:

  1. Iniciar a sessão pela entrevista.
  2. Conquistar a confiança e permitir o relaxamento do paciente.
  3. Aprofundar-se na história de vida da pessoa.
  4. Investir nas sugestões.
  5. Finalizar a sessão do dia.

Já imaginou aliar as vantagens da hipnose ao processo de coaching?

LEIA MAIS:  O que é regressão e como funciona o procedimento?

Coaching e hipnose: uma dupla que deu certo

O chamado transe hipnótico – um estado de profundo relaxamento – permite investigar melhor o consciente e inconsciente de um paciente e, por isso, vem sendo muito utilizado nas clínicas psicológicas.

Isso acontece porque durante o transe, todo o estado de percepção e consciência de uma pessoa é alterado, possibilitando assim mais adesão e aceitação das sugestões do profissional – fator que facilita (e muito!) a descoberta de novas soluções para os problemas indesejáveis.

Além de focar no diagnóstico ideal para o paciente, o processo de coaching aliado à hipnose estimula e incentiva ações fáceis de se praticar dentro e fora do consultório.

Anote aí os cinco principais objetivos desse método:

  1. Buscar soluções inovadores e individuais.
  2. Focar em soluções práticas para o presente e futuro.
  3. Desviar a atenção do problema e ativar processos de mudança.
  4. Compreender como o contexto histórico pode ter afetado o sujeito.
  5. Observar também a linguagem não verbal.

Com a aplicação correta da Hipnose Ericksoniana em seu consultório, você observará os seguintes benefícios aos seus pacientes:

  1. Autodesenvolvimento e compreensão dos processos internos.
  2. Controle das emoções e sentimentos.
  3. Libertação de fobias, traumas e medos.
  4. Maior capacidade para solucionar problemas.
  5. Mudanças comportamentais e potencialização da comunicação.

Você também tem muito ganhar, afinal suas consultas serão mais eficientes; o processo de coaching, mais eficaz e os resultados das intervenções mais precisos e efetivos. Claro, destaque profissional nunca é demais.

E agora, pronto para incrementar sua competência profissional e o processo de coaching de seus pacientes? Nos siga nas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades do assunto! Estamos no Facebook e Instagram!

Como a hipnose é utilizada no processo de coaching?
4.6 (92%) 10 votes