Você sabe exatamente o que é a hipnose? você conhece seus benefícios?

Ainda não? Então leia o artigo e entenda mais sobre essa maravilhosa forma de terapia.

A hipnose frequentemente se vê vítima de informações equivocadas não é mesmo? Há até quem pense se tratar de um truque circense usado simplesmente para o entretenimento do público! Mas a verdade é que a hipnose é um mecanismo seríssimo utilizado para tratar uma série de condições, induzindo ao cliente ao estado de transe para resgatar algum tipo de trauma ou acontecimento desencadeador. Você realmente sabe o que é hipnose?

O que é hipnose?

Muito utilizada para combater distúrbios emocionais, surtos de amnésia, vícios e fobias, a hipnose também ajuda a diminuir o sofrimento de pessoas em estado terminal, em preparação para procedimentos cirúrgicos e até em véspera de vestibular! Quer saber mais sobre essa prática tão versátil? Então confira agora mesmo o post:

A história da hipnose

Existem registros pré-históricos de conceitos e práticas semelhantes ao que se entende hoje em dia por hipnose. Mas o nome só foi surgir pela primeira vez graças ao médico James Braid, conhecido por isso, como o pai da hipnose. Com o passar dos anos, a prática foi ganhando terreno e se tornando uma poderosa aliada de certos tipos de tratamentos médicos, tendo sido particularmente importante durante a Guerra Civil Americana, com o objetivo de tratar soldados feridos. Mas aí, com a invenção da anestesia, a hipnose passou a ser cada vez menos usada.

O termo apareceu pela primeira vez em periódicos científicos na década de 1880, após a morte de Braid. Naquela época, o conceito gerou polêmica, chegando até a ter sua prática contestada pela Santa Sé. Na virada do século, a hipnose se tornou o principal tratamento contra a histeria, que se transformou em uma enorme preocupação na época. Depois das Primeira e Segunda Guerras Mundiais, a hipnose virou novamente uma aliada, dessa vez para tratar os traumas sofridos pelos soldados envolvidos nos conflitos.

Artigo relacionado:  Depressão: Saiba Como Combate-la Com a Hipnose

Atualmente, a hipnose ainda é assunto de muita pesquisa e continua atuando como um valioso mecanismo para resgatar acontecimentos e traumas de pessoas que inconscientemente os bloqueiam. Vale ressaltar que, de lá para cá, o conceito se expandiu substancialmente, tornando-se mais sofisticado ao levar em consideração teorias cognitivas e comportamentais.

Benefícios da hipnose

A hipnose é uma forte aliada de quem busca tratar algum problema ou modificar algum trejeito do seu próprio comportamento. Isso dito, vale ressaltar que ela é particularmente eficaz em tratamentos contra o fumo, em programas de emagrecimento, no combate a dependências e assim por diante. E assim como ocorria no passado, continua sendo uma boa alternativa à anestesia.

Capaz de alterar a própria habilidade de percepção e tornar o indivíduo bem mais aberto a sugestões, a hipnose também atua com competência no combate a transtornos alimentares e na luta contra a obesidade. Casos de fobias sociais ou outras fobias específicas também podem ser muito bem tratadas com a hipnose. Como se vê, trata-se de um mecanismo extremamente competente de terapia do comportamento.

A maioria das pessoas é suscetível à hipnose, mas em níveis diferentes. Assim, cabe ao hipnólogo determinar o quão sujeito ao método é o cérebro do cliente e utilizar os mecanismos certos para atingi-lo, sempre com um objetivo terapêutico.

Por último, mas não menos importante, vale citar que a hipnose também possui excelentes aplicações em tratamentos de estresse pós-traumático, atuando muito bem contra outros distúrbios semelhantes, como crises de ansiedade e problemas para dormir.

O método na prática

Por mais que alguns artistas a usem para impressionar seus públicos, a hipnose definitivamente não é nenhum truque de mágica. É, muito pelo contrário, um artifício utilizado para ajudar vários tipos de pessoas em seus mais profundos níveis de tratamento, constituindo-se em um poderoso aliado da terapia alternativa.

Artigo relacionado:  Como trazer a pessoa amada de volta: tire suas dúvidas com a hipnose

São diversos os níveis de hipnose, alguns perceptíveis até em pequenas ações do dia a dia. Isso ocorre, por exemplo, quando ficamos muito imersos em alguma leitura ou quando nos deixamos hipnotizar por um filme. A prática se manifesta melhor quando o cérebro se dedica totalmente a um elemento, desligando-se de todo o resto. Nesse momento, a hipnose entra para aproveitar essa porta de acesso do cérebro para ajudar de forma eficiente.

Agora que você já aprendeu o que é hipnose, comente aqui e nos conte qual era seu conceito da prática até hoje! Foi surpreendido pelas informações detalhadas no post? Marque agora mesmo sua sessão de hipnose. Aproveite e compartilhe aqui suas impressões e participe da conversa!

Se inscreva na nossa lista VIP de e-mails para receber as novidades do blog em primeira mão!