JUNTE-SE A MAIS DE 50.000 PESSOAS

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

5 dicas de marketing pessoal para psicólogos e terapeutas

marketing para psicólogos
5 dicas de marketing pessoal para psicólogos e terapeutas
4.8 (95%) 4 votos

A competitividade no mercado de trabalho e no mundo corporativo está cada vez mais acirrada e as pessoas estão sentindo isso. Ter um diploma e uma boa atuação profissional já não são mais garantia de conseguir ou manter aquela vaga dos sonhos.

A habilidade a se desenvolver agora para atrair o público não está mais tão relacionada à qualidade de trabalho, infelizmente. Embora esse ainda seja o fator crucial para continuar prospectando conexões, hoje é preciso mostrar ao mundo suas qualidades e potencialidades. O problema é fazer tudo isso sem parecer egocêntrico, arrogante ou prepotente. Parece difícil? Pois saiba que não é tão complicado assim!

O Marketing Pessoal

O Marketing pessoal para psicólogos é uma área em que você, definitivamente, precisa investir. Na verdade todo o profissional, não importa de qual área, deve garantir que a sua presença exerça forte influência sobre as pessoas. Um trabalho bem feito por você nessa área vai promover uma autovalorização no mercado. Conduzindo, desse modo, maior provabilidade com que futuros clientes/pacientes sejam cada vez mais atraídos a contratarem seus serviços.

No mundo dos psicólogos o fundamento é basicamente o mesmo, é cada vez maior o número de psicólogos que fazem uso do marketing pessoal a fim de captar novos clientes. Se você é psicólogo(a) e não sabe como utilizar o marketing ao seu favor agora vai entender melhor.

Preparamo no texto a seguir as principais dicas sobre marketing pessoal para psicólogos!

1. Mantenha sua saúde mental em ordem

Como todos sabemos, os pacientes que procuram um psicólogo precisam de ajuda. Muitas vezes quem vai a um consultório psicológico é ansioso, nervoso e está em busca da cura para suas aflições. Dessa forma, o profissional psicólogo precisa ser totalmente o oposto de seus pacientes, ou seja, ser centrado e ter suas emoções controladas.

LEIA:  Os maiores Hipnotistas do Mundo

É claro que todos somos humanos e boa parte da manutenção da nossa evolução faz parte de um ciclo. Você, quanto psicólogo sabe disso. Essa dica não se trata de tentar se invencível… Muito pelo contrário. É sobre manter o entendimento de suas fraquezas e qualidades sempre afiado, respeitando as indas e vindas da vida. Passar esse tipo de credibilidade para os pacientes é uma ótima estratégia de marketing pessoal para psicólogos.

2. Não fuja da web

As redes sociais se tornaram verdadeiras vitrines para a grande gama de profissionais da saúde, e com os psicólogos não é diferente. Não é necessário possui um perfil no Facebook, porém uma página de seu consultório — ou marca — na rede social é algo que gera retorno e consequentemente aumenta o número de pacientes.

A habilidade da escrita é muito importante para essa dica. Isso porque existem redes sociais voltadas para o uso profissional. Nelas você não só é capaz de se conectar com outras pessoas da área e fazer um networking virtual como mostrar para elas o quanto você tem aprendido. Atualizar ou se cadastrar no LinkedIN, a rede social mais usada para esse propósito, deve ser o seu primeiro passo.

Depois de cadastrar seu consultório ou marca pessoal tente começar a escrever um pouco. Compartilhe as suas reflexões a respeito ou do seu comportamento quanto profissional, ou da forma em geral como a sociedade tem se movimentado sobre o seu ponto de vista. É justamente isso que vai aproximar as pessoas de você! Não escreva para mostrar ou vangloriar-se de nada, mas para ajudar ou compartilhar informações profissionais.

LEIA:  Síndrome de Borderline: Os Perigos de Viver no Limite

3. Jamais deixe de se atualizar

Um erro de muitos profissionais da saúde é a ausência de atualizações. Como psicólogo, você jamais deve deixar de estudar. Busque por temas novos e que poucos colegas da área dominem, como a hipnose, por exemplo. Uma técnica pouco realizada pelos profissionais da psicologia, que atua na perspectiva de melhora de quadros psicológicos “problemáticos”.

Essa questão é comum não só para o marketing pessoal mas também para a evolução profissional de continuar fazendo um bom trabalho. Não é atoa que as pessoas continuam desenvolvendo pesquisas e análises! Parece um pouco óbvio falar isso mais o nosso mundo, principalmente pós expansão da internet, é muito mutável.

Ainda existe um quantidade absurda de assuntos sobre os quais a gente não sabe. Porém hoje muito mais pessoas têm o potencialidade de saber. E esse é mais um fator que coloca em risco a sua carreira caso você não buque atualização dos seus conhecimentos.

Além do óbvio

Sempre que se atualizar, utilize a web para mostrar isso para seus pacientes e também futuros pacientes. Realizou um curso? Coloque na página do consultório! O fato de demonstrar isso não só permite que saibam que você tem o conhecimento como também garante que pessoas interessadas nesse tipo de assunto procurem os seus serviços.

Essa dica de marketing pessoal para psicólogos é uma das mais importantes. Permita que as pessoas saibam que você é capaz de lidar o fato delas serem diferentes. E, assim, necessitarem de diferentes abordagens.

4. Seja visto

Muitos profissionais da saúde possuem páginas no Facebook ou perfis no Instagram. Mas muitas vezes sequer foram vistos ou são conhecidos por alguma comunidade específica. Sendo assim, sempre que tiver uma oportunidade apareça em público! Seja em algum evento social da cidade onde vive, ou então em uma palestra que tenha como tema qualquer área da saúde.

LEIA:  Como Aprender Hipnose

Ser visto frequentando o mesmo ambiente que seus pacientes, faz com que você seja encarado como um profissional mais engajado. Desse modo, consequentemente, mais próximo à seus problemas e dificuldades. O que aumenta suas chances de captar novos pacientes.

Para além do externo, participar ativamente da comunidade permite que você desenvolva um senso crítico pessoal sobre ela. Habilidade muito importante para um psicólogo. Estar “antenado” à sociedade é obrigação de qualquer profissional da saúde.

5. Cuide do visual

Essa é uma importante dica que deve ser levada em consideração. Ande sempre bem vestido(a), com cabelos arrumados e porte-se bem em público. Ter um bom visual, e se portar adequadamente é algo que traz credibilidade. Lembre-se que você NÃO tem uma segunda chance de causar uma boa primeira impressão.

As pessoas mais bem vestidos e com uma presença mais impactante são muito mais notados, elogiados e lembrados. A dica aqui é vestir-se de acordo com o cargo que almeja alcançar. Se quer ser gerente um dia, por exemplo, observe como quem ocupa esse cargo na sua empresa se veste e tente se aproximar do estilo, mas sem abrir mão do seu toque próprio — afinal, são as particularidades que o distinguem dos demais.

Como citado anteriormente, o marketing pessoal é uma ferramenta muito importante e que deve ser utilizada sempre que possível, assim sua cartela de clientes aumentará e você será muito mais reconhecido.

Conhece algum psicólogo que faz uso de marketing pessoal? Quais foram os resultados profissionais dessa prática? Deixe um comentário!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

PRÓXIMOS

dezembro 2018

15dez(dez 15)9:00 am16(dez 16)8:00 pmHipnose Clínica & Regressãoem Brasília9:00 am - 8:00 pm (16) Professor:Guilherme Alves

janeiro 2019

19jan(jan 19)9:00 am20(jan 20)8:00 pmHipnose Clínica & Regressãoem São Paulo9:00 am - 8:00 pm (20) Professor:Guilherme Alves

fevereiro 2019

08fev(fev 8)9:00 am10(fev 10)6:00 pmHipnose Não Verbal com Giancarlo Russoem São Paulo9:00 am - 6:00 pm (10)

últimos

JUNTE-SE A MAIS DE 50.000 PESSOAS

ENTRE PARA NOSSA LISTA

e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Feito com por Let’sRocket

>

Pin It on Pinterest

X